Preço dos Alimentos sobe pelo 5º mês consecutivo

13502162_894530320675104_6436690020555558420_n

Ir às compras está cada vez mais desafiador para as famílias brasileiras. Cada vez mais o trabalhador está aderindo às promoções e comprando apenas o necessário.

Segundo dados do Índice de Preços dos Alimentos da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) a subida dos produtos de gêneros alimentícios subiu 163,4 pontos no mês passado.

Esta é considerada a maior elevação mensal de preço dos últimos quatro anos. Todas as categorias avaliadas tiveram subida de preços, principalmente o açúcar. Para as carnes, o Índice de Preços ficou 2,4% acima do verificado em maio, atingindo 158,3 pontos. Pelo terceiro mês consecutivo, houve alta em todas as subcategorias, principalmente para suínos e ovinos.

Com o susto do preço do tomate, depois o consumidor viu o preço da batata disparar. Os atuais vilões das compras no supermercado estão agora com o leite e o feijão.

“Os produtos básicos da cesta básica do brasileiro estão subindo todo dia. Está difícil manter a dispensa cheia. Leite e feijão só o necessário, não dá mais pra encher o carrinho”, conta a dona de casa Edileusa de Souza, de Rio das Pedras, que percorre os supermercados da cidade atenta às ofertas.

X

Pin It on Pinterest

X